Você sabe como escolher uma boa comida de cachorro? Ou melhor, sabe o que considerar na hora de escolher um alimento? Bom, este é um assunto complexo e que nem sempre pode ser resumido a isto ou aquilo. Desta forma, este não é um “tutorial” de como alimentar o seu cão. Mas, é uma forma de fazer você entender o que de fato precisa ser considerado na hora de alimentar o seu cãozinho da forma certa.

Seja uma alimentação natural para cães ou uma alimentação a base de rações, o mais importante é atentar-se as características do animal em si. Ou seja, como ele pode, de fato, se beneficiar ao máximo daqueles nutrientes? Veja a seguir o que é importante para o organismo e para o desenvolvimento dos cães.

comida de cachorro

Foto: Freepik

Comida de Cachorro – Como controlar a dieta do animal?

A comida de cachorro nem sempre é apenas baseada em rações. É preciso ir um pouco mais a fundo para entender o que de fato o animal precisa para sentir-se bem, com energia e saudável. Para manter um cachorro feliz e saudável é preciso muito mais do que uma boa caminha e uma casa confortável. É preciso agir de uma forma pensada para que ele de fato sinta-se bem em todos os aspectos.

E a alimentação é parte fundamental deste processo. Assim como nós, seres humanos, os cães também precisam de suprimentos para o dia. A energia deles depende disso. Por isso, veja o que considerar na hora de escolher a comida de cachorro ideal.

comida de cachorro

Foto: Freepik

A carne é a base da nutrição dos cães – O instinto de caça faz-se presente

O instinto natural dos cães faz com que eles precisem de carne. As grandes caçadas ainda fazem parte do habitat natural dos cachorros. Logo, o organismo deles evoluiu para que sua dieta básica seja repleta de proteínas. Por isso, ofereça rações ou comidas caseiras que tenham uma quantidade satisfatória de carne (proteínas). É isso que faz eles serem seres enérgicos e saudáveis.

comida de cachorro

Foto: Freepik

Oferecer mais comida do que o necessário pode ser prejudicial

Você já viu um cão obeso? É muito provável que você o achou bonitinho, não é mesmo? Pois bem, isto é normal. Temos a tendência a achar fofo um cão acima do peso. Porém, saiba que isto é muito prejudicial para o animal. Afinal, a obesidade canina pode trazer sérias complicações aos cães, como: diabetes, gordura no sangue, problemas cardíacos, etc. Desta forma, é fundamental não oferecer mais comida do que os cães realmente precisam.

cão se alimentando

Foto: Freepik

Leve seu cãozinho para consultas regulares com profissionais de nutrição e veterinária

E, por último, uma consideração mais do que importante: leve sempre seu cachorro a um profissional de nutrição. É somente ele que poderá determinar uma dieta balanceada, equilibrada e completa para o animal. Cada cão é único e requer cuidados também únicos. Cada raça precisa receber cuidados específicos e quantidades de comidas controladas. E isto dependerá também do peso, do tamanho e do gasto de energia do seu pet.

Comida de cachorro é assunto sério. Cuide sempre da alimentação do seu cãozinho e boa sorte.