O gênio dos quadrinhos Stan Lee, criador de muitos dos super-heróis mais famosos do mundo, como Homem-Aranha, Homem de Ferro, Demolidor, Pantera Negra, Thor, Os Vingadores, Doutor Estranho, Viúva Negra, entre outros, passou pelo sufoco de ter sua cadelinha de estimação desaparecida.

De acordo com o site internacional TMZ, a pequena Charlotte, cadela da raça Lulu da Pomerânia, também conhecida como Spitz Alemão Anão, desapareceu no comecinho do mês de março.

Cadelinha de Stan Lee fugiu de casa e foi parar no quintal do ex-jogador de futebol americano Jim Brown. (Foto: Reprodução / TMZ / Keya Morgan)

Fontes próximas ao tutor não informaram como a cadelinha conseguiu escapar, porém, assim que o sumiço foi percebido, funcionários de Stan Lee logo começaram uma busca pela região de Hollywood Hills, onde ele mora. Keya Morgan, parceiro de criação e de negócios de Stan, distribuiu panfletos de “Cão Desaparecido” por todos os lados.

Apesar dos esforços e das buscas, nenhuma notícia da cadelinha foi dada e Stan começou a acreditar que Charlotte tinha falecido e que ele nunca mais iria ver sua companheira canina. Porém, esse não seria o final dessa história.

Acontece que Charlotte foi parar no quintal de Jim Brown, ex-jogador e grande lenda do futebol americano que mora a cerca de um quilômetro de distância de Stan.

Ao ver a pequena cadelinha assustada e sem coleira em seu quintal, Jim e sua esposa Monique comunicou sobre o animal encontrado a um grupo de vizinhos, mas ninguém sabia informar de quem era o peludo.

Cadelinha só foi identificada por conta de cartaz. (Foto: Reprodução / TMZ / Keya Morgan)

Então, o casal resolveu levar a cadela até uma clínica veterinária para checar se ele tinha microchip de identificação. O microchip até existia, mas ele não estava com identificação.

Foi durante uma volta de carro que o casal viu os cartazes de “Cão Desaparecido” e logo entrou em contato com o número no cartaz. Assim, Stan Lee conseguiu ter sua amada cadelinha de volta em seus braços.

Fonte: TMZ