A vida social é indispensável para homens e mulheres possam manter a saúde mental. No entanto, essa necessidade também se estende aos seus animais de estimação. Por isso, uma americana desenvolveu uma coleira inteligente que auxilia pets a fazer novas amizades nas proximidades de sua residência. Ideia brilhante, não é?

Bom, a empreendedora Andrea Chavez passou a vida em uma região carente no estado do Novo México, nos Estados Unidos. Todavia, a sua trajetória se modificou totalmente. Isso porque ela conseguiu obter os diplomas de direito e de ciência da computação em Harvard e Stanford, respectivamente.

A partir daí, a americana resolveu iniciar as suas próprias companhias no setor de tecnologia. Com o passar do tempo, Andrea começou a refletir a respeito das suas metas. Como ela sempre foi apaixonada por cachorros, optou por transformar isso em um negócio inovador.

coleira inteligente

Foto: FreePik

Ao notar que a maioria dos bichinhos circulava com uma coleira com identificação simplificada, normalmente somente com o nome e o endereço do seu tutor, ela percebeu a oportunidade de desenvolver algo novo. Sendo assim, a mulher de 48 anos desenvolveu uma coleira inteligente.

Entenda o funcionamento da coleira inteligente

Em 2016, Andrea criou a Pawscout. O seu novo empreendimento criou um dispositivo que oportuniza o rastreamento e o compartilhamento de dados sobre o seu amiguinho de quatro patas. Além disso, a coleira inteligente serve para conectar o seu com outros animais em uma espécie de rede social canina.

A empresa desenvolveu um dispositivo que permite rastrear e compartilhar informações sobre o pet, além de conectá-lo a outros animais por meio de uma espécie de rede social. Com um valor de compra de cerca de 20 dólares (80 reais na cotação atual), a tag inteligente é recarregável e conta com Bluetooth.

Antes de colocar o produto a venda, a empresária dos Estados Unidos gastou 24 meses aprimorando e testando o seu protótipo. Inicialmente, a sua organização chegou a fabricar 10 mil coleiras. A ideia foi bem sucedida. E, após 365 dias do lançamento oficial, o item já pode ser encontrado em 16 mil estabelecimentos nos Estados Unidos e no Canadá. Até os dias de hoje, a Pawscout já comercializou mais de 250 mil produtos.

Aplicativo

É importante frisar que a companhia também oferece um aplicativo para os seus usuários. Entre as funcionalidades que o app fornece estão monitorar o trajeto do cachorrinho em um mapa, conferir restaurantes, lojas e outros empreendimentos pet friendly na sua região, publicar fotos, gerenciar a carteira de vacinação do seu pet e até adquirir medicamentos.

Além disso, o tutor pode utilizar o aplicativo da coleira inteligente para entrar em contato com outras pessoas próximas. Desta maneira, é possível facilitar a criação de vínculos amigáveis entre os próprios animais.

Curiosamente, o produto não é limitado somente para cães e gatos. A fundadora assegurou que o produto já foi utilizado com tartarugas, coelhos, porcos e até mesmo um coala. A única diferença com essas espécies é a dificuldade ligeiramente maior para encontrar amigos na vizinhança para apresentar ao seu bichinho de estimação. Mas, vale a pena tentar, não é?