Sabe quando a gente gosta muito de algum brinquedo ou item especial que temos e ele se quebra ou estraga? Nós ficamos muito tristes, não é mesmo? Pois é mais ou menos assim que o cãozinho Rudy está se sentindo.

Rudy é um Pug de quatro anos de idade e que, desde novinho, amava um brinquedo em particular, uma raposa de pelúcia.

Rudy é apaixonado por sua raposinha de pelúcia. (Foto: Reprodução / Instagram therudyfanclub)

O brinquedo, na verdade, foi projetado para crianças entre 3 e 7 anos de idade, mas por conta da descrição que vinha com a raposinha, “Bom para abraçar, confortar, escutar e gosta de brincadeiras e travessuras”, os utores de Rudy acharam que esse brinquedo seria perfeito para o cãozinho.

Quando Rudy ganhou sua primeira raposinha de pelúcia, foi amor à primeira mordida. A partir daí, Jason Byck e Hana Tran-Byck, tutores do cão, tiveram que ficar sempre renovando o estoque dessa raposa, já que o Pug não vivia mais sem seu brinquedo favorito.

A raposinha é o brinquedo preferido de Rudy. (Foto: Reprodução / IKEA)

O brinquedo recebeu o nome de Foxy, e toda nova raposa de pelúcia que chegava em casa, todas sempre iguais, era chamada pelo mesmo nome.

Rudy não só brincava com sua Foxy como também amava dormir com ela. O cão carregava a raposa de pelúcia para onde quer que fosse.

Rudy faz tudo com a raposa, ele brinca, morde e também adora dormir com ela. (Foto: Reprodução / Hana Tran-Byck)

Porém, como o cãozinho ficava o tempo inteiro carregando sua raposa de um lado para o outro e dando sempre umas mordidinhas, ela rapidamente se rasgava e estragava toda. Aí os tutores do animal traziam para ele um novo carregamento de raposinhas de pelúcia.

De tanto ser carregada para lá e para cá, a raposinha sempre acaba se rasgando e estragando mais facilmente e logo tem que ser trocada por outra raposa igual. (Foto: Reprodução / Instagram therudyfanclub)

Acontece que a loja que vendia esse brinquedo não tem mais ele em suas prateleiras. A loja parou de vender o brinquedo preferido de Rudy. Os tutores de Rudy, então, decidiram comprar um brinquedo novo para o animal, mas o cão logo percebeu que aquele não era a sua raposinha, não era o seu brinquedo preferido.

Rudy parecia não perceber quando trocavam uma raposa velha e rasgada por uma nova, mas rapidamente ele percebeu a diferença quando o novo brinquedo chegou e não era Foxy.

Os tutores de Rudy até já tentaram, mas ele não se interessa por nenhum outro brinquedo. (Foto: Reprodução / Hana Tran-Byck)

Os tutores de Rudy até tentaram fazer com que ele se interessasse por outros brinquedos, inclusive quando ele ainda tinha várias raposas. Mas foi sempre Foxy que esteve ao lado do cão, como quando ele estava se recuperando depois de ter sido atingido por um carro e na mudança de Toronto, Canadá, para Nova York. Talvez por isso ele tenha uma ligação especial com a raposinha de pelúcia.

Jason e Hana já inclusive procuraram no site da loja tanto nos Estados Unidos quanto no Canadá, e nada da raposinha.

Agora que a loja parou de vender o brinquedo que Rudy tanto ama, os tutores do cão estão pedindo doações da raposa de pelúcia. (Foto: Reprodução / Hana Tran-Byck)

Se você tiver uma raposinha de pelúcia parecida com a de Rudy e quer enviar para o cão de presente é só entrar em contato com os tutores do animal através do e-mail [email protected]

Nós ficamos na torcida para que Rudy encontre logo um novo melhor amigo.