Leonor (Nicete Bruno) e Emily em cena (Foto: Reprodução/Salve Jorge)

 

Na novela Global Salve Jorge da autora Gloria Perez, a personagem Leonor, interpretada pela atriz Nicete Bruno, irá deixar sua fortuna para sua cadelinha da raça Maltês, Emily Flores Galvão. Cercada pelas personagens Rachel (Ana Beatriz Nogueira) e Aída (Natália do Vale), duas interesseiras que estão de olho na fortuna de Leonor, a milionária se diverte com o baque que as duas levaram com a chegada da cadelinha.

A atriz Nicete Bruno, que tem medo de cachorros, teve que passar por um processo para escolher um cachorrinho que não a intimidasse. Em entrevista para o jornalista Leo Dias, a autora Gloria Perez explicou como ocorreu a escolha da cadelinha:

 

Nicete tem medo mesmo, de não querer chegar perto. Então organizamos uma seleção bem diferente: levamos Nicete para uma sala cheia de guloseimas caninas, e convocamos muitos cães de porte pequeno. Entrava um de cada vez, conduzido pelo dono, e desfilava ali, para que ela mesma pudesse escolher aquele que não a intimidasse. Pois não é que ela acabou caindo de amores por uma pequenina? Botou no colo, na bolsa, passeou com ela. Afinidade imediata e total entre as duas. E agora vai ganhar até um filhote da escolhida! A cachorrinha de dona Leonor vai causar muito na novela.

 

(Foto: Reprodução/Salve Jorge)

 

Herança para os animais

Acredite, há muitos casos pelo mundo de milionários (as) que deixaram toda a sua fortuna para seus pets. Como o caso de Gail Posner, que deixou uma mansão de sete quartos no valor de $ 8,3 milhões em Miami e mais um fundo de garantia de $ 3 milhões para seus três pets, incluindo o cãozinho da raça Chihuahua, Conchita.

Ou o caso de Leona Helmsley, que ao deixar o valor de $ 12 milhões (apesar de depois, um juiz reduzir a quantia para $ 2 milhões) para sua cachorrinha da raça Maltês, Trouble, cortou do testamento dois netos.

 

Porque as pessoas deixam suas heranças para seus cachorros?

Todos que já tiveram e amaram um pet, podem imaginar a resposta! Muitos donos de pets, ao morrerem, além de quererem garantir o bem estar do animalzinho depois de sua partida, não acreditam que algum humano, da família ou amigo, mereça receber aquela herança mais que o pet.

Ao encontrar um amor sem limites no pet, sua espécie é apenas um mero detalhe.

VEJA MAIS: Cadela Emily vem roubando a cena em novela Salve Jorge.