Está começando o último dia da Pet South America

por Rodrigo Amar — publicado 31 out 2013 - 13:06

Diferença entre pastor alemão e pastor belga

por Handreza Hayran — publicado 23 ago 2019 - 9:45

pastor alemão

Antes de falar sobre a diferença entre pastor alemão e pastor belga, é preciso dizer que eles são muito semelhantes. Assim, ambos foram criados para o trabalho de pastoreio de ovelhas e outros animais. Porém também são muito usados como cães policiais devido à sua inteligência e obediência.

Mas então, quais são as diferenças entre o pastor alemão e o pastor belga?

Diferenças na origem da raça entre pastor alemão e pastor belga

O Capitão Max von Stephanitz da cavalaria alemã do final do século XIX,

 » Read more about: Diferença entre pastor alemão e pastor belga  »

Adestramento de cães: como ensinar a sentar, deitar e ficar quieto

por Handreza Hayran — publicado 23 ago 2019 - 9:45

ansiedade de separação

O adestramento de cães é um processo permanente. Portanto, o treinamento deve ser reforçado constantemente, durante toda a vida do animal.Você já imaginou como seria ter todas essas habilidades e ser capaz de preparar seu cão para que ele seja bem comportado a vida toda?

Então, se você tem um cachorro novo em casa, seja ele um filhote ou um cão adulto, esse é o artigo certo para você. Aqui você irá encontrar todas as dicas adestramento de cães!

 » Read more about: Adestramento de cães: como ensinar a sentar, deitar e ficar quieto  »

Cão sozinho: dicas para deixá-lo mais feliz

por Camila Da Silva — publicado 21 ago 2019 - 9:45

cão sozinho

Ter um cão sozinho muitas vezes não é tarefa fácil: seja pelo lado físico ou emocional! Se você também tem problemas em deixar o seu cachorro muito tempo na solidão enquanto você trabalha, acompanhe este texto e saiba o que você pode fazer para amenizar o problema e, consequentemente, manter o animal mais entretido e feliz.

Cão sozinho – Dicas para deixá-lo mais feliz

Você tem pena de deixar seu cão sozinho? Há razões para que este sentimento domine o seu dia quando tiver que deixar seu animal solitário em casa.

 » Read more about: Cão sozinho: dicas para deixá-lo mais feliz  »

deixe seu comentário:
Siga o Portal do Dog
Últimas notícias

Diferença entre pastor alemão e pastor belga

por Handreza Hayran — publicado 23 ago 2019 - 9:45

pastor alemão

Antes de falar sobre a diferença entre pastor alemão e pastor belga, é preciso dizer que eles são muito semelhantes. Assim, ambos foram criados para o trabalho de pastoreio de ovelhas e outros animais. Porém também são muito usados como cães policiais devido à sua inteligência e obediência.

Mas então, quais são as diferenças entre o pastor alemão e o pastor belga?

Diferenças na origem da raça entre pastor alemão e pastor belga

O Capitão Max von Stephanitz da cavalaria alemã do final do século XIX, trabalhou na criação de uma nova raça. Assim, combinou diversos cães de pastoreio, transformando-os em uma raça uniforme. Então, essa raça originou o pastor alemão atual.

pastor alemão

Foto: Freepik

Por sua inteligência e versatilidade, a raça se tornou cada vez mais popular entre muitos criadores. Assim, foram levados aos Estados Unidos logo no início do século XX. Porém, durante a Primeira Guerra Mundial, houve intensa rivalidade entre Estados Unidos e Alemanha. Então, a popularidade da raça, estando associada ao inimigo, teve sua popularidade reduzida.

Por outro lado, o pastor Belga Malinois se originou a partir de um grupo de cães da Bélgica. Mas no final do século XIX a raça foi aprimorada, dando origem aos cães existentes atualmente.

Diferenças no tamanho e coloração entre pastor alemão e pastor belga

Pastor Belga

Foto: Freepik

Primeiramente o pastor alemão costuma ser aproximadamente 10% maiores que o pastor belga. Da mesma forma, seus pelos costumam ser mais longos, com a presença de mais sub pelo. Inclusive existe uma variedade do pastor alemão que possui o pelo longo.

Além disso, o pastor alemão possui a clássica coloração preta e castanha. Assim, é conhecido pela clássica sela preta que apresenta em suas costas.

pastor alemão

Foto: Freepik

Por outro lado, o pastor belga Malinois é menor e mais loiro com relação ao pastor alemão. Contudo, às vezes as duas raças são confundidas.

Mas o pastor belga Malinois possui o pelo curto e fulvo. Além disso possui a máscara e as orelhas pretas. Apesar de serem menores e mais refinados com relação ao pastor alemão, o pastor belga é muito forte e musculoso. Assim, são cães muito vigorosos.

Diferenças de temperamento entre pastor alemão e pastor belga

Pastores alemães e belgas são criados para o trabalho. Então, são muito inteligentes e obedientes. Assim, eles são muito colaborativos, trabalhando muito bem com o homem em diversas tarefas. Porém, esses cães são indicados para tutores mais experientes. Isso porque devido à sua energia e esperteza podem ser difíceis de controlar se não forem corretamente ensinados.

Então, por serem muito alertas e atentos, são muito valorizados tanto para trabalhos de pastoreio quanto na polícia. Isso porque eles são capazes de construir um ótimo laço de parceria com seu tutor.

Apesar de serem cães muito dóceis, precisam se manter ativos para não apresentarem comportamentos indesejados. Então, eles precisam realmente de atividades físicas intensas para se manterem saudáveis. Além disso eles apreciam atividades de agilidade e obediência.

pastor belga

Foto: Freepik

Sendo assim, esses cães não devem ser deixados sozinhos no quintal. Isso porque eles precisam ter muita atenção para se sentirem satisfeitos.

Ambos são cães ótimos quando se trata de operações de busca e resgaste. Mas o belga Malinois se sai particularmente bem em atividades de corrida ou ciclismo junto com seu tutor.

Níveis de atividade

Com relação aos níveis de atividade, existe uma diferença entre pastor alemão e pastor belga. Assim, o belga costuma gostar mais de desafios. Mas para ambos é muito importante que haja sempre tarefas a serem executadas.

Além disso, o pastor belga Malinois é mais ativo com relação ao pastor alemão. Mas eles não se contentam apenas com exercícios físicos. Assim, precisam também de muita interação com seus donos.

Mas caso isso não aconteça, esses cães podem apresentar comportamentos indesejados. Podem por exemplo se tornar agressivos ou travessos demais, pegando e destruindo objetos indevidos. Ademais podem também começar a cavar buracos no quintal.

Apesar de serem dóceis, o ideal é que esses cães sejam ensinados desde cedo. Assim, evita-se que tenham comportamentos indevidos. Além disso, eles não são indicados para a convivência com gatos devido ao seu instinto policial.

pastor belga

Foto: Freepik

Além disso, outra diferença entre o pastor alemão e o pastor belga é que o alemão é utilizado como guia de cegos. O primeiro cão-guia do mundo foi Buddy, um pastor alemão. Isso porque eles são muito obedientes, executando perfeitamente as ordens que lhe são dadas. Por fim, o pastor alemão é um ótimo cão com crianças. Eles são carinhosos, versáteis e também muito corajosos.

Diferenças entre pastor alemão e pastor belga com relação à popularidade

Primeiramente com relação à popularidade, também existe uma pequena diferença entre o pastor alemão e o pastor belga.

Popularidade do Pastor Alemão

pastor alemão

Foto: Freepik

O pastor alemão é uma das 5 raças mais populares do mundo.

Provavelmente isso ocorre por serem ótimos cães quando incluídos na família adequada. Assim, eles devem conviver com uma família ativa, que esteja sempre disposta a dedicar bastante tempo ao cão. Então, os donos devem passear, brincar e oferecer muito carinho ao cão. Além disso é preciso que se dediquem ao treinamento do animal.

Popularidade do Pastor Belga

Igualmente, o pastor Belga Malinois também é muito inteligente e enérgico. Assim, é muito leal e companheiro à sua família.

Mas, a popularidade dessa raça é mais recente com relação à do pastor alemão. Mas ela vem crescendo rapidamente. Assim, a raça já ocupa o 43º lugar na lista de raças mais populares. Poucos anos atrás, sua colocação era a 76ª.

pastor belga

Foto: Freepik

Essa popularidade crescente se deve principalmente graças a programas de TV, filmes e vídeos. Isso porque eles mostram as incríveis habilidades desses cães em desenvolver diferentes tipos de tarefas. Além disso, a beleza da raça também agrada muito.

Mas é preciso deixar claro que os comportamentos e as habilidades incríveis desses cães são fruto de intenso treinamento. Então, apesar de parecerem simples quando vistas pela tela, é necessário muita paciência, determinação e tempo do tutor para lapidar o comportamento do cão.

Conclusão

Conclui-se portanto que o Pastor Belga Malinois e o Pastor Alemão possuem aparências e características de personalidade muito semelhantes. Sendo assim, ambos podem ser treinados facilmente. Por isso esses cães são adequados para executar funções em que o homem necessite de suas habilidades.

Além disso, eles possuem um ótimo convívio com as pessoas, inclusive com crianças. Mas é ideal que o cão seja adestrado ainda filhote para que seja controlado com maior facilidade.

Adestramento de cães: como ensinar a sentar, deitar e ficar quieto

por Handreza Hayran — publicado 23 ago 2019 - 9:45

ansiedade de separação

O adestramento de cães é um processo permanente. Portanto, o treinamento deve ser reforçado constantemente, durante toda a vida do animal.Você já imaginou como seria ter todas essas habilidades e ser capaz de preparar seu cão para que ele seja bem comportado a vida toda?

Então, se você tem um cachorro novo em casa, seja ele um filhote ou um cão adulto, esse é o artigo certo para você. Aqui você irá encontrar todas as dicas adestramento de cães!

Contudo, antes de começar o adestramento com o cão, pode ser útil revisar alguns conceitos básicos.

Primeiramente, é preciso ser paciente, firme e demonstrar um bom domínio da linguagem corporal. Além disso o ideal é fazer sessões curtas. O ideal são de 10 a 15 minutos de cada vez. Da mesma forma, é ideal variar os tipos de comandos para que o cão não fique entediado.

1. Adestramento de cães para fazer xixi no lugar certo

Existem algumas recomendações básicas para o adestramento do cão com relação às suas necessidades fisiológicas. Então, acompanhe as recomendações e procure coloca-las em prática com seu cão.

cachorro fazendo xixi

Foto: Freepik

  • Limite o espaço do cachorro: Quando você tiver um cachorro novo em casa, limite o seu acesso apenas à área onde deverá fazer suas necessidades. Isso deve ser feito mesmo que você tenha que fechar portas e fechar entradas com objetos de diversos tipos. Assim, o importante é que o cão entenda bem qual é o seu espaço.
  • Defina uma rotina no adestramento de cães: Cães criam hábitos. Portanto, é recomendado que eles sejam alimentados sempre no mesmo horário. O mesmo vale para os passeios. Dessa forma cria-se uma rotina para o cachorro. Assim ele irá aprender que existe uma hora certa para tudo, até mesmo para “ir ao banheiro”. Inclusive ele pode passar a fazer suas necessidades apenas durante os passeios.
  • Nunca castigue o cão por fazer xixi no lugar errado: Ter o chão de casa sujo com xixi pode ser um incômodo. Porém, os cães não conseguem entender as causas e consequências da mesma forma que o ser humano. Portanto, não se deve repreendê-los. Sendo assim, você deverá apenas limpar a bagunça e seguir em frente com o treinamento. Tenha certeza de que com o tempo, com suporte do adestramento de cães, os acidentes se tornarão cada vez menos frequentes.
cachorro fazendo coco

Foto: Freepik

Faz parte do adestramento de cães, sempre que o cão fizer suas necessidades no local correto, você deverá recompensá-lo. Assim ele irá associar a ação com a recompensa e irá repetir mais vezes o ato. Dessa forma ficará cada vez mais condicionado.

2. Adestramento de cães: comando “Vem”

O comando “vem” é um dos ensinamentos mais básicos do adestramento de cães. Sendo assim, toda vez que o seu cão vier até você quando for chamado, você deve comemorar. Afinal, ele estará trocando vários estímulos só para ir até você. Além disso, essa pode ser a melhor parte do dia dele.

cachorro andando - adestramento de cães

Foto: Freepik

  • Para começar o treinamento, escolha um local tranquilo. Afinal, enquanto estiver aprendendo, ele não deve ser distraído.
  • Posteriormente, você deve se afastar de seu cachorro e então dizer “venha” de maneira bem firme e com bastante entusiasmo. O comando deve ser dado apenas uma vez. Porém, a linguagem corporal deve ser mantida. Você deve se mostrar relaxado.
  • Conforme o cão começar a se aproximar, você pode ir incentivando-o. Você pode segurar um petisco como forma de incentivo.
  • Por fim, quando o cão chegar até você, recompense-o e diga algo como “muito bem”. Conforme seu cão for criando confiança com o treinamento, a distância entre vocês pode ser aumentada gradativamente.

2. Adestramento de cães: comando “Quieto”

Pastor Belga

Foto: Freepik

Ensinar o comando “quieto” para o cão não serve apenas para que ele fique quieto. Da mesma forma que o comando “vem”, esse também serve para a segurança do animal. Isso porque você pode usá-los em situações de perigo.

  • Para começar, você deve estar próximo ao cão. Posteriormente, estenda a sua mão e dê o comando “quieto”.
  • Aguarde um tempinho e recompense-o. Então você deve ir repetindo até que seu cão entenda que se ele ficar parado será recompensado.

Por fim, quando o cão tiver assimilado bem a lição, a distância pode ser aumentada gradativamente. Do mesmo modo, você pode incluir distrações para treinar a concentração do seu cachorro.

3. Adestramento de cães: comando “Deixa”

No adestramento de cães, o comando “deixa” também possui grande importância. Isso porque ele pode ser muito útil caso o seu cão pegue alguma coisa que não deve.

Porém, esse treinamento requer bastante paciência, bem como consistência. Então, você pode utilizar os 3 d´s do adestramento: distância, duração e distração. Dessa forma você vai gradualmente aumentando o grau de dificuldade do exercício.

cachorro não quer comer

  • Para começar essa lição, tenha um petisco em mão e coloque seu cão deitado ou sentado.
  • Então mostre o petisco ao cachorro.
  • Dê o comando “deixa” e coloque o petisco debaixo do seu pé.
  • Então você deverá esperar alguns instantes. Certamente o cão tentará pegar o alimento, podendo até mesmo agarrar o seu pé. Você pode deixar que ele tente. Seja paciente.
  • Por fim, quando o cão desistir, você deverá dizer “muito bem” e recompensá-lo. Contudo, não se deve oferecer ao cão o petisco que você colocou debaixo do pé, e sim um novo.

Dessa forma você deverá repetir a lição várias vezes sempre recompensando o cão quando ele desistir do petisco.

4. Como ensinar o comando “senta”

Petisco para adestramento - adestramento de cães

No adestramento de cães, o comando “senta” é um dos mais usados. Inclusive essa é geralmente a primeira lição do adestramento. Isso porque é muito simples fazer o cão sentar. Então, para ensinar o comando basta conectar a palavra “senta” ao comportamento.

  • Para isso, quando o cão estiver em pé, você deve segurar um petisco na sua mão e ir levantando-o bem devagar em direção à parte posterior da cabeça do cachorro.
  • Então, automaticamente o cão se sentará para conseguir ver o alimento.
  • Assim, quando ele encostar a traseira no chão, diga “muito bem” e recompense-o com o petisco.

Além disso, você pode também ir fazendo a transição do comando verbal para apenas um gesto. Isso pode ser útil em situações em que você esteja distante do cão.

5. Como ensinar o comando “deita”

cachorro deitado - adestramento de cães

Foto: Freepik

Quando o seu cachorro estiver executando bem o comando “senta”, você pode ensiná-lo a deitar.

  • Então, com o cão sentado, segure o petisco em sua mão e o mantenha bem perto do rosto do animal.
  • Assim, comece a mover sua mão em direção ao chão.
  • Posteriormente, afaste a do cão. Certamente ele irá seguir o petisco.
  • Então vai ser forçado a deitar para conseguir cheirar sua mão.
  • Assim que o cão se deitar, diga “muito bem” e lhe entregue o petisco.

Por fim, no adestramento de cães basta ser paciente e repetir muitas vezes a lição até que o cão associe corretamente o comando à ação.

Resumindo, no adestramento de cães é fundamental que se estabeleça uma base sólida. Assim, a vida do seu cão com certeza será bem mais fácil e divertida. Além disso, a convivência entre vocês pode se tornar bem mais simples. Mas se você tiver dúvidas sobre como começar o adestramento, a melhor coisa a fazer é buscar um especialista no assunto.