Ter um filhote de Cane Corso é o seu sonho? Então, saiba que você está prestes a adotar um cãozinho absolutamente inteligente, dedicado, sensível e, ao mesmo tempo, muito bruto!

Afinal, o Cane Corso tem uma cara de mal que é de colocar medo em qualquer um.

Assim sendo, como é um cão de grande porte, ele tem muita força e pode agir de maneira “mal educada”, caso o tutor não o crie da maneira certa.

Por isso, neste artigo, o Portal do Dog vai te ajudar a entender mais sobre como criar um filhote de Cane Corso. Entenda seus comportamentos, características e outros detalhes.

Continue lendo!

Filhote de Cane Corso – Quais são as recomendações?

Filhote de Cane Corso

Cane Corso observador – Foto: Freepik

As recomendações para criar um filhote de Cane Corso devem ser seguidas a risca para que você crie um dog saudável do ponto de vista físico e mental.

Afinal, criar um filhote de Cane Corso não é tão simples quanto se imagina. Principalmente do ponto de vista de tempo e disponibilidade para o animal.

O Cane Corso vai precisar muito de você e, se você mora em apartamento, algumas saídas por dia serão necessárias. Por isso o Cane Corso não é indicado para ambientes pequenos e sem área para correr e brincar.

Se você busca um dog para apartamento, veja este artigo: Melhores raças de cachorro para apartamento.

Entre outras dicas que você vai ver neste artigo, veja algumas ideias para criar um filhote de Cane Corso de maneira saudável:

  • Vacinas iniciais.
  • Alimentação balanceada.
  • Estímulos positivos desde cedo.
  • Adestramento e comandos básicos precisam acontecer.
  • Não deixe o Cane Corso criar manias.

Vacinas iniciais

Antes de mais nada, a dica mais importante para criar um filhote de Cane Corso de maneira saudável é oferecer todas as vacinas do esquema vacinal inicial.

Afinal, os filhotes de Cane Corso, assim como qualquer filhote de qualquer outra raça, precisam receber os cuidados preventivos básicos. E tudo começa pelas vacinas.

As vacinas para filhotes ajudam não só a proteger o seu dog de doenças. Mas também, ajudam a proteger outros cães de eventuais vírus, bactérias e doenças em geral.

Veja mais sobre vacinas em cães filhotes.

Alimentação balanceada

Outra dica inicial para que você aplique ao adotar um filhote de Cane Corso, é cuidar da alimentação dele. Afinal, a gente é o que a gente come. E os cães também pode entrar nesse ditado popular.

Assim sendo, crie um esquema de alimentação adequado para o seu Cane Corso ter todas as vitaminas, proteínas e nutrientes que a fase de filhote pede.

Cuidado para não oferecer alimentos com calorias excessivas ou vazias. Isso faz o seu Cane Corso crescer de maneira inadequada e também prejudica o desenvolvimento dele.

cão fofo

Cane Corso – Foto: Freepik

Estímulos positivos desde cedo

Se você acompanha o blog do Portal do Dog, sabe da importância dos estímulos positivos desde cedo para o seu doguinho. Afinal, temos vários artigos sobre esse tema por aqui.

Os estímulos positivos, quando oferecidos desde muito cedo ao seu dog, ajudam não só a criar uma rotina saudável. Mas também, eles evitam que o seu dog cresça de maneira inadequada e com manias caninas.

Algumas dicas de como criar estímulos positivos no seu dog desde cedo: crie rotinas bem demarcadas, trabalhe com reforço positivo, não faça tudo o que o cão quer, não use violência para educar o dog, etc.

Adestramento e comandos básicos precisam acontecer

Não há como criar um filhote de Cane Corso sem adestrá-lo e oferecer um ensinamento de comandos básicos. Afinal, esses fatores influenciam diretamente em como o dog vai ou não se desenvolver no futuro.

Por isso, desde filhote, ofereça um adestramento adequado para o seu dog. Ensine ele com reforço positivo e você terá um cão obediente e muito antenado aos seus comandos.

Ensinar o Cane Corso a “sentar” ou a “ficar” é fundamental para controlar determinadas reações que ele pode ter no dia a dia. Principalmente depois de adulto, quando a sua força é ainda maior.

Não deixe o Cane Corso criar manias

Se você deixar o Cane Corso criar manias, vai ser muito difícil removê-las depois. Por isso, trabalhe de maneira árdua para mostrar ao seu dog o que ele pode ou não fazer na rotina.

Tirar uma mania de um cão mais velho, principalmente daqueles mais seguros de si mesmo como o Cane Corso, pode ser um trabalho bem difícil. Não impossível. Mas difícil.

Por isso, é melhor prevenir do que remediar. Portanto, crie uma rotina adequada, com brincadeiras, gasto de energia e educação. O seu Cane Corso precisa entender que quem dá os comandos é você.

Comportamentos e características do Cane Corso – Esse cão é pra você?

Agora que você já tem algumas ideias e dicas de como criar e cuidar do seu Cane Corso filhote, é importante entender se esse cão é realmente pra você.

Isto é, veja algumas características e comportamentos que o Cane Corso pode ter depois da vida adulta. Veja se você terá problemas ou se vai ser tranquilo de lidar com o Cane Corso depois de adulto:

  • Um ótimo cão de guarda.
  • Pode ser antissocial em algumas situações.
  • É um cão de grande porte que precisa de muito gasto de energia.
  • Pode ser dominador.
  • É um cão muito inteligente e pode aprender fácil.

O maior problema em criar um Cane Corso é não tomar os devidos cuidados na fase filhote. Isto é, quando o dog ainda não tem manias estabelecidas.

No entanto, se você conseguir controlar determinadas situações, o seu Cane Corso terá uma vida muito saudável do ponto de vista físico e mental.

Para entender como entregar essa vida ao seu dog, veja as dicas na prática:

Filhote de Cane Corso

Cão dando a patinha – Foto: Freepik

Um ótimo cão de guarda

O Cane Corso é um ótimo cão de guarda. Na verdade, ele é o cão ideal para quem busca esse tipo de cachorro: para cuidar do pátio, da casa e da família.

Assim sendo, se você adotar um Cane Corso, saiba que ele será extremamente fiel ao seu lar. A sua força e a sua cara de mal podem assustar qualquer um e isso muitas vezes já é o suficiente para patrulhar a residência.

No entanto, cuidado para não confundir patrulha com agressividade. Embora o Cane Corso possa ser agressivo se não adestrado, ele é calmo e muito tranquilo.

Características típicas de um cão de guarda!

Pode ser antissocial em algumas situações

O Cane Corso pode ser mal encarado e pode colocar medo nos mais desavisados. Isso é normal e acontece muito pelo fato de que ele pode ser um cão antissocial!

No entanto, essa questão pode ser resolvida e evitada ainda na fase de filhote. Portanto, veja as nossas dicas no início deste artigo e saiba a importância de socializar o seu Cane Corso.

Acostume o seu dog com outros cães, pessoas estranhas e também outros animais. Isso vai ser ótimo para a relação de vocês, uma vez que o cachorro não vai estranhar essas situações depois de adulto.

É um cão de grande porte que precisa de muito gasto de energia

O gasto de energia é, sem dúvida nenhuma, um dos fatores determinantes para você criar um cão saudável ou não. Tanto do ponto de vista físico, quanto do ponto de vista mental.

Afinal, o gasto de energia é o que faz o seu dog não ter energia para fazer coisas ruins no ambiente. Como por exemplo, roer chinelos, destruir móveis e até se tornar agressivo.

Se você não tem condições de brincar muito com o seu dog, talvez o Cane Corso não seja o dog ideal. Além disso, se você não tiver um bom espaço físico externo para ele correr e se divertir, prefira outra raça.

Pode ser dominador

O Cane Corso não é dominador. Mas ele pode ser. Principalmente se você deixá-lo crescer e de desenvolver “ao natural”. Isto é, sem nenhum tipo de ajuste na rotina e adequação de comportamentos.

Ensine o seu Cane Corso desde a fase filhote. Faça ele aprender comandos básicos e faça ele ter uma rotina adequada do ponto de vista de gasto de energia.

Ensinar truques e fazê-lo entender o seu comando e a sua voz é muito importante.

É um cão muito inteligente e pode aprender fácil

Não se preocupe. Se você não tem muito conhecimento sobre adestramento e comandos básicos, saiba que com um pouco de reforço positivo o seu Cane Corso filhote já vai pegar o jeito.

Afinal, ele é um cão muito inteligente e pode facilmente compreender aquilo que você quer que ele aprenda.

Ofereça petiscos, carinho e outros prêmios para cada bom comportamento do seu dog. Com o tempo, ele estará adestrado!

cachorro olhando a câmera

Cão olhando a câmera – Foto: Freepik

Problemas de saúde que o Cane Corso pode ter

Não se assuste: os cães Cane Corso são muito saudáveis. No entanto, é preciso observar alguns problemas que eles podem ter devido ao envelhecimento.

O Cane Corso pode ter displasia de quadril e cotovelo. Principalmente cães mais velhos e obesos.

Portanto, cuide bem do seu dog!