Você sabe onde o cachorro pode pegar carrapato?

Essa é uma das dúvidas mais comuns de tutores que buscam cuidar sempre muito bem do seu melhor amigo. Afinal de contas, como você sabe, o carrapato pode transmitir uma série de doenças perigosas, podendo até mesmo levar o cão a óbito.

Por mais que sejam pragas muitas vezes “invisíveis”, os carrapatos podem ser controlados e evitados com algumas ações pontuais. Neste artigo, você vai entender como fazer isso e livrar o seu cãozinho desses invasores.

Continue lendo e saiba mais sobre o tema.

carrapatos

Carrapatos – Foto: Freepik

Onde o cachorro pode pegar carrapato?

Para entender onde o cachorro pode pegar carrapato, é preciso considerar que esses invasores estão por todos os lugares.

Os lugares sujos e “quentinhos” são um potencial maior para a proliferação de carrapatos. No entanto, ainda assim, o seu dog pode pegá-los em ambientes improváveis.

Por isso, é muito importante que você observe atentamente o ambiente e faça de tudo para que ele seja seguro. O seu cãozinho não sabe o que é um carrapato e muito menos sabe o que fazer para evitá-los.

Rolar na grama, brincar com outros cachorros e revirar o quintal é uma diversão tremenda para eles. Só que essa diversão pode, também, provocar problemas com carrapatos.

O Portal do Dog preparou algumas dicas importantes para que você possa considerar. Continue lendo e saiba mais.

  • Dentro da própria casa.
  • Idas ao veterinário.
  • Hotelzinho e dog walker.
  • Ambientes com outros cães (parques, passeios).
  • O quintal da sua casa está limpo?

Onde o cachorro pode pegar carrapato – Dentro da própria casa

Muitas vezes o tutor imagina que a casa é o ambiente mais seguro para o doguinho. Afinal de contas, é o habitat natural dele e, portanto, nada poderá fazer mal a ele.

No entanto, não é bem por aí. E muitas vezes, esses são os principais lugares para que o seu cão tenha algum tipo de problema e você nem perceba.

O excesso de confiança por ter um lar adequado e confortável pode gerar problemas que só são percebidos depois de algum tempo. E entre esses problemas, o carrapato é um deles.

Infelizmente, dentro da sua própria casa, os carrapatos podem resolver fazer a festa. Basta que algum calçado ou roupa traga um invasor pra dentro de casa e pronto: o cãozinho estará muito perto de contrair o parasita.

Sempre que você sair para caminhar ou passear com o doguinho, observe os calçados, roupas e pelagem do animal. Assim você garante que nenhum invasor entre no ambiente, se multiplique e infecte o cachorro.

cachorro na grama

Cão deitado na grama – Foto: Freepik

Onde o cachorro pode pegar carrapato – Idas ao veterinário

Outro lugar onde o cachorro pode pegar carrapato, é o veterinário.

Sim, mais um ambiente seguro e feito exclusivamente para que o cãozinho possa se sentir confortável e seguro. Só que, mesmo com todos os cuidados e manejos, ainda assim, o cachorro poderá contrair alguns parasitas e até algumas viroses.

Uma dica extra aqui, é: mantenha todas as vacinas e vermífugos do seu cãozinho em dia. Caso contrário, ele poderá facilmente contrair doenças que poderiam ser evitadas.

Os carrapatos podem, sim, estar nas clínica e ambientes comuns de veterinários e pet-shops. É o equivalente a uma “infecção hospitalar”, só que em um ambiente feito para cachorros.

Basta que algum cachorro tenha algum carrapato e deixe-o em algum lugar do ambiente. Se por algum motivo o cachorro passar a pelagem pelo local, ele poderá servir de novo habitat para o parasita.

Esteja atento a isso.

Onde o cachorro pode pegar carrapato – Hotelzinho e dog walker

Você precisa viajar ou mesmo deixar o seu cãozinho com algum cuidador por algum tempo? Ótimo, existem boas alternativas pra isso. Certamente o seu melhor amigo será bem cuidado enquanto você estiver por alguns dias fora.

Mas no mesmo nível que esse tipo de cuidado é muito eficiente e adequado, ele também precisa ser bastante cauteloso. Principalmente em ambientes com muitos outros cachorros, as chances de um parasita se proliferar no seu dog são bem grandes.

Por exemplo, se você deixar o seu cachorro em um hotelzinho pra cachorro, basta que algum animal tenha um carrapato para aumentarem as chances de seu dog ter também.

Por isso, é fundamental que você pesquise e conheça de perto os ambientes de hotelzinho. Veja como são os procedimentos para entrada dos dogs. Quanto mais rígido for, melhor. Ou seja, quanto mais procedimentos de conferência, melhor.

Não deixe seu dog em lugares que não pedem nenhum tipo de comprovante de vacina, medicação, vermífugos, etc.

Inclusive, temos um artigo aqui no site sobre isso: Como escolher um hotel para cachorro: 5 dicas importantes.

cachorro no colo do tutor

Cachorro no veterinário – Foto: Freepik

Ambientes com outros cães (parques, passeios)

Outro lugar onde o cachorro pode pegar carrapato, é a rua ou o parque.

Afinal de contas, esses são ambientes que podem reunir outros cachorros e, por isso, as chances de uma contaminação aumentam drasticamente. Principalmente se o ambiente não tiver nenhum controle sanitário para entrada de pets.

No caso de parques e passeios em geral, é muito importante que você preserve a saúde do seu cão. Não deixe ele vasculhar qualquer lugar.

Por exemplo, deitar na grama onde vários outros cachorros estavam, pode ser bastante perigoso. As chances de ali haver um carrapato escondido são bem grandes.

No entanto, você não pode privar o seu cão desse tipo de interação. Cães precisam de outros cães para serem saudáveis mentalmente.

A socialização canina ajuda a gastar energia física e mental. Por isso, você não pode “prender” seu cão dentro de casa somente para evitar que ele fique doente, ok?

O quintal da sua casa está limpo?

E por fim, outro lugar (mais comum do que você imagina) que o cão pode pegar carrapato, é o quintal da própria casa.

Sim, no quintal da sua casa podem estar morando algumas famílias de carrapato que estão a espera de um lugar quentinho e confortável para se mudar. No caso, a pele e os pelos do seu cachorro.

Ambientes com a grama alta, mato ou até resíduos espalhados no chão, podem servir de habitat para os carrapatos. Lugares em que os carrapatos podem “se esconder” são os favoritos.

Afinal, são ambientes fechados e que permitem conforto dos parasitas para sobreviverem e proliferarem.

Assim que seu cão passa nesse ambiente, o carrapato poderá grudar na pele e então pegar uma carona na pelagem do animal. É o suficiente para que o parasita fique ali por muito tempo e, muitas vezes, sem você perceber.

onde o cachorro pode pegar carrapato

Carrapato – Foto: Freepik

Como evitar que o cachorro pegue carrapato

Até aqui, já entendemos onde o cachorro pode pegar carrapato. Mas ainda assim é importante considerar algumas dicas para que você possa evitar esse tipo de contaminação.

Veja como evitar que o cachorro pegue carrapatos e depois entenda detalhes sobre cada item da lista:

  • Mantenha os ambientes limpos.
  • Não deixe o cão se esfregar em gramados.
  • Coleira anti-carrapato pode ajudar.
  • Shampoos medicinais.
  • Inspeções após os passeios.

Mantenha os ambientes limpos

Uma das dicas mais importantes, práticas e fundamentais que você deve considerar na hora de evitar carrapatos no seu cão, é: mantenha os ambientes limpos.

Pelo simples fato de manter a grama aparada, o lixo recolhido e sem entulhos no terreno, você já garante chances muito menores de o cão pegar carrapatos.

Além do quintal, mantenha limpo, também, ambientes de convívio.

Ou seja, lugares que o cão dorme, come, brinca e por aí vai. Afinal, depois de um passeio, o carrapato pode vir grudado no seu sapato e ele poderá buscar um ambiente quentinho: a pelagem do cachorro.

Não deixe o cão se esfregar em gramados

Os gramados são lugares muito propícios para que o cão pegue carrapatos.

Afinal, são lugares “escondidos” e que garantem uma sobrevivência maior do parasita. Eles adoram esses lugares. Por isso, sempre que você sair com seu cão para passeios no parque ou na rua, cuidado.

Evite lugares com grama alta ou lugares em que outros cães estiveram se rolando ou brincando.

Não deixe o cão rolar em qualquer gramado e observe por onde ele caminha. Quanto mais cuidado você tiver com isso, maiores são as chances de evitar carrapatos em cachorros.

cachorro se coçando

Cachorro se coçando – Foto: Freepik

Coleira anti-carrapato pode ajudar

Você sabia que existem medicamentos e adereços caninos que ajudam na hora de não proliferar carrapatos? Sim! E a coleira anti-carrapato é uma delas. Você poderá comprar nas melhores lojas de produtos para pets e usar no seu melhor amigo de maneira segura e adequada.

As coleiras anti-carrapato ajudam a não proliferar o parasita, visto que elas agem de maneira “silenciosa” na pelagem do animal. E portanto, os carrapatos não se dão bem naquilo que, pra eles, é uma nova morada.

Shampoos medicinais

Outra boa ideia que você pode colocar em prática para tentar evitar carrapatos em cachorros, são os shampoos medicinais.

Existem alguns shampoos caninos que ajudam na hora de manter a pele do cãozinho livre de ser um habitat agradável para os pets. E, portanto, os carrapatos e outros parasitas acabam morrendo ou nem chegando perto.

No entanto, é importante tomar cuidado com esse tipo de produto. Use somente aquilo que o veterinário indicar. Nunca use produtos humanos em cachorros, ok?

Inspeções após os passeios

E por fim, é importante garantir inspeções após os passeios. Essa é uma prática ainda mais saudável, pois você não precisa intervir com produtos e, mesmo assim, ajuda a evitar os parasitas.

Sempre que você voltar de um passeio, observe a pelagem do cachorro. Se você encontrar algum carrapato que ainda não está “agarrado”, basta tirá-lo.

Além do próprio cachorro, investigue calçados e roupas. Afinal, os carrapatos podem vir “pendurados” em você sem que você perceba.

Anote as nossas dicas, observe os lugares onde cachorro pode pegar carrapato e cuide bem do seu dog.