15 abr 2015 - 12:35

Brutus

Tutor(a): Cinthia Gois

Parece um urso de pelúcia, mas não, ele é meu cachorro. Brutus quando veio para mim, tinha 45 dias de vida. Na época, eu tinha depressão, tanto pela perda de uma cadela anterior, como de um fim de relacionamento. Eu não tinha mais nem vontade de viver. Quando essa bola de pelos veio, era de uma ninhada de 6 filhotes de uma amiga de minha mãe, tinha uma discussão sobre qual ficar, se era o filhote branco ou mesmo preto. Na época fragilizada, eu disse “tanto faz”. Nunca imaginei que aquele filhote branco, fizesse voltar a vida novamente, eu não vivo sem ele. Mesmo que alguns criadores dizem que não devemos criá-los como se fosse pessoas, mas ele é o meu bem mais precioso. Ele não é muito amigável, até um pouco agressivo. Na realidade posso dizer que ele herdou “coisas” minhas, ele é meio que seletivo, mas se ele gostar de alguém ele simplesmente aceita. As vezes ele vai ao petshop fazer banho e tosa, e quem disse que ele fica magrinho?! Lá o chamam de “gordinho” (risos). Se eu não me levantar da cama as 05 da manhã, ele vai lá quase que “falando” pra me acordar. Hoje ele é bem dizer meu coração e alma, onde me anima até nos momentos difíceis. Sua fidelidade e lealdade é muito alto e protetor também. Ele é RND (apesar de ser mistura de duas raças pequinês/poodle) Hoje ele tem 8 anos. Gostaria muito que ele aparecesse no portal. Porque eu queria dividir essa alegria que tenho por tê-lo em minha vida.