Os cachorros da raça Pug Preto são cães que têm muito em comum com o Pug Abricot. São cães muito apegados aos seus tutores, e por causa disso, muitos cachorros da raça acabam adoecendo quando se afastam de seus donos de forma repentina, e por causa disso os futuros donos de Pug Preto devem ter total certeza de que vão cuidar de seus pets por toda a vida.

Pug preto

Pug preto – Foto: Freepik

Eles são cães bastante brincalhões, gostam tanto de adultos quanto de crianças e não costumam latir muito.

Eles são, sem dúvida alguma, companheiros pra vida toda, além de serem leais e protetores. São de baixa estatura e com aspecto “fortinho”, ou até mesmo “truncadinho”. São cães um tanto diferentes em sua aparência, contudo são muito simpáticos e costumam ser bastante comunicativos.

Eles são cachorros energéticos, ou seja, precisam se exercitar bastante para manter a saúde e o seu bem estar. Assim, não é muito incomum encontrar cães da raça Pug Preto em competições em todo o planeta, porém algumas espécies não costumam gostar do senso competitivo adotado por seus tutores.

Mas o mais importante é que a relação tutor e pet sejam o mais saudáveis possíveis, e que o tutor não obrigue o cãozinho a fazer o que não gosta.

Conhecendo o cachorro Pug Preto

Antes de tudo, estes cachorrinhos são fáceis de serem distinguidos dentre cães de outras raças. Isso acontece pelo fato de sua aparência ser um tanto cômica e incomum.

pug preto

Foto: Freepik

Sua cabeça é redonda, os olhos são grandes e o rosto é “amassado”. Mas acontece que eles possuem uma dupla pelagem curta, além de terem um grande teor de gordura no seu tecido, que fornece proteção contra o frio e outros problemas de temperatura.

Características da Raça

As características do Pug Preto são bastante semelhantes à raça Pug Abricot, tendo a sua maior diferença no temperamento do animal, afinal, cada cachorro é diferente um do outro.

Cabeça do pug preto

Possui a cabeça arredondada e desproporcional ao corpo. Além disso, as orelhas são triangulares e caídas, isso de forma natural. Os olhos são grandes e geralmente as sobrancelhas caem sobre os olhos, dando um aspecto de sonolência.

Pelagem

A pelagem é preta, como o nome já diz. Assim, possui dupla pelagem e ambas são curtas. Uma pelagem mais curta e macia, que é o sub pelo, e a pelagem que cobre o sub pelo, é o responsável pela proteção contra o frio.

  • Conheça também o cachorro Xoloitzcuintle: A raça que é o tesouro nacional do México

Cauda

A cauda é bastante enrolada, e isso é um dos principais charmes da raça.

Corpo do pug preto

Pug preto – Foto: Freepik

O corpo é pequeno, porém é grande para a proporção dos demais membros do corpo, como as patas. Dão uma impressão de obesidade, mas é dessa forma que seus corpos se apresentam de forma natural.

Patas

As patas dianteiras geralmente são mais grossas do que as traseiras. Assim, possuem garras firmes que facilitam a caça e a cavar em terrenos arenosos.

Focinho

Os cachorros da raça Pug possuem uma característica chamada “braquicefalia animal”, que é o focinho achatado. Sendo assim, essa característica pode gerar problemas de respiração, porém é uma característica natural do cachorro.

História do pug preto

Pug preto com seu dono – Foto: Freepik

A origem do Pug Preto é bem antiga, e há indícios de sua existência desde o ano 1700 antes de Cristo, e surgiram provavelmente após o cruzamento de Mastife Francês e o Pequinês, no entanto não há dados que comprovem essa hipótese, e seu surgimento é um mistério até os dias em que vivemos.

Eles vieram da China, onde eram cães da realeza chinesa e eram bastante populares entre a corte.

Mas após serem bastante vistos por pessoas importantes, alguns donos de terras passaram a levar filhotes para a Europa, lugar onde ficaram popularmente conhecidos mundialmente. Assim, após esse período, foram reconhecidos pelo Kennel Club em 1855, depois de serem levados aos Estados Unidos, após a Guerra Civil.

Expectativa de vida

Eles vivem bastante tempo para a média de cães, vivendo cerca de 12 a 16 anos.

Temperamento do Pug Preto

Antes de tudo, são brincalhões, amigáveis, fiéis e se apegam de forma muito intensa aos seus familiares, buscando sempre agradá-los de alguma forma.

São uma ótima escolha para quem tem crianças e outros animais em casa. Podem latir com mais frequência se encontrarem alguma ameaça para a sua família, pois são cães bastante territorialistas e buscam proteger o que é importante para eles.

Entenda sobre a saúde do Pug Preto

Eles não costumam adoecer com bastante frequência, contudo precisam de uma observação a mais quanto à sua respiração.

Acontece que as narinas dos Pug Pretos possuem várias dobrinhas, e isso pode tamponar a passagem de ar nas narinas, precisando de higiene pelo menos uma vez a cada duas semanas.

Principais Cuidados com o pug preto

Jovem brincando com seu cachorro

Jovem brincando com seu cachorro – Foto: Freepik

Higiene

Deve-se manter a higiene das narinas pelo menos a cada duas semanas, e ao perceberem alguma mudança nas narinas devem ser levados ao veterinário o quanto antes. Não devem ser banhados com tanta frequência, pois eles possuem pelo e sub pelo.

Alimentação

A alimentação deve ser passada pelo veterinário, contudo, sabe-se que eles precisam de comida um pouco mais gordurosa do que outros cães.

Curiosidades

  • O Pug Preto se adapta em apartamento? Sim, eles não precisam de muito espaço, por serem muito pequenos.
  • O Pug Preto late muito? Não são de latir muito, porém podem estranhar visitas desconhecidas.
  • O Pug Preto apresenta algum tipo de problema ao ficar sozinho em casa? Sim, eles são muito apegados à família, e desenvolvem doenças físicas e comportamentais ao serem deixados sozinhos.
  • O Pug Preto é um bom cão de guarda? Não são indicados para a guarda, mas alguns cães da raça desempenham ótimos papéis como guarda após receberem treinamentos.
  • Um dono de estimação de primeira viagem pode adotar o Pug Preto? Sim, eles não costumam dar muito trabalho.
  • Cachorros da raça Pug Preto são inteligentes? Eles são cães inteligentes e entendem comandos complexos e são fáceis de serem treinados.