Os Yorkshire são cachorros com pelo muito versátil e que cresce muito rápido. Eles fazem parte de uma raça muito famosa e muito querida pelas pessoas. Conheça os tipos de tosa para o Yorkshire.

O seu pelo macio e com cores de marrom e dourado é uma característica da raça. Porém, essa pelagem requer cuidados diários e especiais.

Yorkshire

Yorkshire – Foto: Freepik

O seu Yorkshire pode desenvolver uma série de problemas caso fique sem os cuidados necessários envolvendo higiene e escovação.

E se você quiser manter o brilho do pelo dessa raça de cachorros, é necessário usar alguns produtos como hidratantes para cães. Além disso, as tosas são essenciais e indispensáveis para manter a saúde da pelagem.

As tosas promovem uma série de benefícios para os cães da raça Yorkshire, como a remoção do excesso de pelos mortos, prevenção de fungos, maior leveza aos movimentos e eliminação de nós no pelo.

Existem diversos tipos de tosa para essa raça. O artigo de hoje vai trazer as principais e mais conhecidas.

Tosa Bebê para Yorkshire

A Tosa Bebê é muito comum e popular entre os donos de Yorkshires.

Esse tipo de tosa dá ao animal uma aparência muito jovem. Além disso, ele é muito indicado para aqueles donos que querem diminuir a necessidade de cuidados diários do animal.

Filhote de Yorkshire

Filhote de Yorkshire – Foto: Freepik

Com essa tosa, o seu Yorkshire tem muito menos chances de ficar com o pelo cheio de nós. A Tosa Bebê é também uma boa opção para o verão, em que as temperaturas são mais quentes e o seu cachorro pode sentir calor em excesso.

Para fazer essa tosa, os profissionais cortam os pelos do Yorkshire com uma tesoura ou mesmo com a máquina (embora com a tesoura seja mais comum) para deixar todos os pelos do corpo bem curtinhos.

Assim, eles ficam com a aparência parecida com a que tinham quando eram filhotes.

Tosa Westy para Yorkshire

A Tosa Westy é muito popular no Brasil. Ela deixa o seu Yorkshire com uma aparência típica de outra raça de cachorro, o West Highland White Terrier.

Nesse tipo de tosa, os pelos do corpo ficam bem curto. Porém, diferentemente da Tosa Bebê, aqui o seu Yorkshire tem os pelos do rosto aparados como para aumentar visualmente as orelhas e o focinho.

O charme desse tipo de tosa é deixar as orelhas do cachorro bem fofinhas.

A Tosa Westy não traz grandes benefícios relacionados à saúde e higiene do cão. Ela também não ajuda muito na praticidade do dia a dia, já que você ainda vai precisar escovar os pelos do rosto e das orelhas do seu Yorkshire para evitar nós.

Yorkshire Dog

Yorkshire Dog – Foto: Freepik

Essa tosa normalmente é feita por um profissional de um pet shop. Também é importante ressaltar que não são todos os pet shops que dominam a técnica da Tosa Westy.

O profissional normalmente usa só uma tesoura para fazer esse corte e dar um toque especial nas orelhas.

É melhor fazer esse tipo de tosa só com um profissional, já que ela precisa de um pouco mais de habilidade para ser realizada.

Tosa Schnauzer para Yorkshire

Como no tipo anterior, a tosa Schnauzer é feita para deixar o Yorkshire com a aparência de um cachorro de outra raça: o Schnauzer.

A principal característica dessa tosa é deixar os pelos das patas compridos. Os pelos do rosto são também deixados longos, apenas aparados por uma tesoura.

Os pelos do corpo devem ser aparados com uma máquina para ficarem bem curtinhos.

Yorkshire deitado

Yorkshire deitado – Foto: Freepik

A vantagem desse tipo de tosa, além da estética. é a praticidade, já que depois da Tosa Schnauzer, o seu Yorkshire vai precisar de menos cuidados com a escovação.

Essa tosa também diminui o risco de formação de nós e o risco de acumular sujeiras nos pelos do seu Yorkshire.

O ideal é você pedir ajuda para um profissional para realizar esse tipo de tosa, já que os pelos da cabeça do cachorro devem receber uma atenção especial e devem ser moldados com uma tesoura.

Tosa Higiênica

A Tosa Higiênica é importante para todas as raças de cachorro e não só para o Yorkshire.

Porém, ela é essencial para o Yorkshire já que, sendo peludo, muitas sujeiras podem ficar presas em seu pelo.

Esse tipo de tosa não tem um objetivo estético. Na verdade, o principal objetivo é a higiene e o cuidado com o seu cachorro.

Tosa de Yorkshire – Foto: Freepik

Todos os cachorros deveriam fazer esse tipo de tosa a cada 15 dias ou pelo menos uma vez por mês.

Para essa tosa, você deve cortar o pelo do Yorkshire em regiões que podem causar acúmulos de sujeira e infecções, como ânus, boca, órgãos genitais. etc.

O profissional irá usar uma tesoura ao invés de uma máquina.

Esse tipo de tosa é feito em regiões sensíveis do corpo do cachorro, então é ideal que você tenha a ajuda de um profissional que pode realizar esse processo com mais habilidade.

Tosa Japonesa para Yorkshire

A Tosa Japonesa tem se tornado muito conhecida nos últimos anos e recebido muita atenção, principalmente no Brasil.

Esse tipo de tosa é ideal para os donos que percebem uma personalidade forte no Yorkshire.

Com influência oriental, essa tosa tem como objetivo principal deixar o cachorro com menos pelos no focinho.

Além disso, a Tosa Japonesa deixa o rosto do Yorkshire muito mais fofo e parecido com um urso de pelúcia.

Yorkshire em tosa – Foto: Freepik

Normalmente, os pelos do corpo do cachorro, nesse tipo de tosa, são raspados ou deixados mais curtos. Mas não existe uma regra: varia muito com o gosto do dono e o profissional que irá fazer o trabalho.

Essa tosa exige mais habilidade com as mãos, por isso é ideal que ela seja feita com um profissional. Além disso, essa pessoa deve tomar muito cuidado para não machucar o rosto do Yorkshire.

A Tosa Japonesa tem um objetivo só estético. Apesar de ela contribuir para diminuir a formação de nós no corpo do Yorkshire, onde os pelos irão ficar mais curtinhos, a higiene e a praticidade ficam em segundo plano.

Conclusão

A escolha do tipo de tosa que será feita no seu Yorkshire depende muito do seu gosto e do seu objetivo.

Você deve pensar se quer praticidade, se quer higiene ou se quer somente melhorar a aparência do seu bichinho.